15.10.07

O Fenómeno

Hoje percebi a razão de ser de uma vontade que tenho todos os dias. A vontade de levar o meu bolinhas para o trabalho!!! Não é que tenha saudades das cartas do meu admirador secreto (leia-se coimas da EMEL), não é que sinta a carteira mais pesada dos trocos que gastava diariamente (trocos nada!!), mas hoje por instantes, apeteceu-me apanhar assim umas filinhas de trânsito como quem não quer da coisa, só para evitar "aquilo"!! Aliás, até me esqueci do meu tampão amarelo (pelo qual paguei de aluguer 90 euros), e que era tão fashionnnn!!! Grrrrr!!
Ora e de que se trata?? "Aquilo" é um fenómeno que acontece todos os dias nas chamadas horas de ponta do Metropolitano de Lisboa, e ao qual eu tenho de me sujeitar.. Começo por sair de casa toda bonitinha (diz o meu espelho amestrado), de sapatinho novo com um lacinho, e mal piso ali a calçada para me dirigir à estação de metro, já o vento me despenteou (qualquer dia levo o secador dentro da maleta e só seco o cabelo no trabalho), mas isso é o menos!! Pelo caminho, rezo para que todos os utilizadores da minha carruagem se tenham lembrado de tomar banhinho de manhã, ou no mínimo usado um pouquinho de desodorizante (se bem que em alguns casos não é suficiente, teria de ser mesmo muito) para disfarçar os melhores e os piores odores...
Confesso que de manhã a coisa ainda se faz mais ou menos bem, até porque vou quase sempre sentada e tento ir concentrada para não cantar a música que me flutua nos ouvidos, o que me faz "desligar". Mas ao fim da tarde "aquilo" é impressionante!!!
Nunca tal fenómeno deve ter sido tão agressivo, ou será que eu é que não estava (sim porque agora já estou) preparada para tal???
Afinal de contas sempre fui um pouco (muito) comodista é verdade, mas o contacto físico com tantos corpos assim meio pegajentos depois de um dia de trabalho, faz-me uma confusão do caraças!! Ali vão todos satisfeitos, à excepção da minha pessoa e de mais uma ou outra que também deteste chegar a casa mal disposta e sem vontadinha nenhuma de fazer jantar!! Não é que cozinhe, mas só a ideia atrofia-me o miolo pois não consigo deixar de visualizar todas aquelas axilas (para não dizer algo terrível) levantadas para o ar!!! Às tantas, já nem me seguro nos varões (sempre me disseram que tinham mil bactérias, e acredito), "deixo-me apenas segurar" pela multidão que me atropela sempre que se pára na Baixa-Chiado ou na Alameda!!!
Enfim, depois de alguns meses já me habituei, agora resta-me tentar evitar as bolhas que os sapatinhos novos (malditos) me fizeram nos pés, porque quanto ao Metropolitano de Lisboa nem com pensos rápidos lá vai!!!

3 comentários:

any the one disse...

que ideia mais fantástica levares o secador para o trabalho. é mesmo só isso o que falta lá no nosso gabinete xl. parabéns pela descrição dessa viagem diária de Metro. dá logo vontade de experimentar. lol

jack burton disse...

eu quando sei que vou andar de metro nunca me lavo nem sequer meto o meu perfume barato. só para lixar o dia a meninas-bem como tu. :D*

>> nim disse...

eu confesso que sou daqueles priveligiados que se podem dar ao luxo de poder levar o carro para o trabalho, e demorar menos de 10 minutos a lá chegar (sim, era mesmo para fazer inveja :P).

mas também houve uma altura em que o metro era o meu meio de transporte, e sei perfeitamente ao que te referes.

às vezes dava-me vontade de ir todo nú, besuntado em manteiga, para andar ali a escorregar no meio daquela gente toda! lol

gostei muito do teu blogue/diário

beijinhos