7.9.09

[will you marry me?]

Porra pah! Eu não me vou casar - quase que - juro! Faltam 3 semanas para o casamento da minha irmã e fiquei encarregue de organizar a despedida de solteira. Sábado, às 21h, em parte incerta. Se no inicio parecia engraçado, já estou cansada de ligar para pessoas que não faço um de quem são, de ter de responder às tias-avós-da-prima-Clotilde 'nannn para mim ainda faltam uns belos anos' ou de ouvir outras que pedincham para não ficarem sentadas ao lado de fulana x ou de sicrana y. Gajas d'um raio. Já para não falar que tem de se pensar em tudo, desde enfeites com pilas para por na cabeça da noiva, algo que identifique a manada feminina, bolo erótico, jogos, castigos, palhinhas com tomatinhos e decidir onde jantar, beber copos e dançar. Não está fácil. Pior mesmo é ter de fazer tudo isto sem que a noiva saiba de nada.
p.s. aceitam-se sugestões para 'traquinices'.

5 comentários:

a estagiária disse...

Na categoria de filha única venho só dizer que esse era um momento pelo qual gostava tanto de passar e não vou poder... :S

crème fraîche disse...

bolos em forma de pénis é bonito.

Ana. disse...

Não querendo meter o bedelho, mas já metendo, seria giro organizar um dia de spa para a noiva e as amigas, seguido de um jantar num sítio elegante e um copo num bar cool. As pilas na cabeça e afins já deram o que tinham a dar! Mas é só a minha opinião!...

;))

Mokas disse...

concordo com a Ana...
Se é para organizar qq coisa que marque a passagem de uma fase para a outra, então que seja assim...

Anónimo disse...

e que tal juntasrem-se todas de xaile aos ombros numa noitada de croché e boa cuscuvelhice à moda antiga??