9.8.10

[akademia bike]

Desde que comecei a ir ao ginásio que encontro por lá um trintão giraço que não desgruda os olhos aqui da je. Confesso que transpirada, descabelada e com a cara vermelha que nem tomate, não devo ter lá grande figura, mas tudo bem. Estranhei no primeiro dia, mas depois quase sempre lado a lado na aula de bike, reparei que também eu não tirava os olhos do homem. E nada de pensar que estou a entrar em flirts no ginásio, não, nada disso. Senti apenas que o conhecia de algum lado e que isso o levava a olhar para mim com ar manhoso. Pensei várias vezes em fazer a típica pergunta (esta sim, para muitos de engate) 'olha, eu conheço-te de onde?', mas resisti a essa tentação, até porque o marmanjo ia ficar a achar-se. Na semana passada mais uma vez na mesma aula ouvi o rapagão falar - de uma forma muito familiar. E plim. Fez-se o chocapic. Não foi o chocapic, mas sim luz na minha cabeça. O giraço é lá da vila e tal como agora que faz artes marciais (já investiguei, ah pois é) também há 16 anos atrás ele praticava uma dessas modalidades agressivas no ginásio municipal, onde euzinha, com os meus dez aninhos fazia pliê, estica, relevé na aula de ballet. Olha que bonito. Será que ele se lembra de mim em maiô?

3 comentários:

Ritchie disse...

opah... eu aqui, tipo teresa guilherme, já a pensar que a coisa ia dar em namoro na aula de bike e a história vai para o lado fofo hehehehehehe.
olha, se calhar ele, muito provavelmente, também se lembra de ti, ou pelo menos tens algo que o faça pensar de onde sabe que já te viu... para olhar assim.
se ele é giraço não faz mal nenhum, isto tudo até pode servir como desbloqueador de conversa... sou do pior eu sei!

Lana disse...

será destiny? =D

Untouchable disse...

De certeza! Eu sei que me recordaria de ti a fazer pliê fosse em maiô, agostô, outubrô ou por ai fora, yô? ;)

ps- eu sei esta meteu dó ou dô, mas estou completamente queimado do trabalhô **